[Valid RSS] [Valid RSS] [Valid RSS] Labirintos e Fascínios: Agosto 2014

30 de agosto de 2014

Delicadeza...




Delicadeza é a sensibilidade
Aflorada na essência d’alma.
É sentir o afago suave do vento
Trazendo o aroma do lírio do campo
Com sua magia e o seu encanto...
É sentir na pele a brisa do mar
Numa bela noite de luar...
À abóbada celeste a contemplar...
Despertando o desejo de amar.

Poesia de Elias Akhenaton
Um peregrino da vida, pescador de emoções.

6 de agosto de 2014

Meus desejos...



 "Hoje eu queria ler uns livros que não falam de gente, mas só de bichos, de plantas, de pedras: um livro que me levasse por essas solidões da Natureza, sem vozes humanas, sem discursos, boatos, mentiras, calúnias, falsidades, elogios, celebrações...
Hoje eu queria apenas ver uma flor abrir-se, desmanchar-se (...)." 

(Cecília Meireles)