[Valid RSS] [Valid RSS] [Valid RSS] Labirintos e Fascínios: Nem sempre escrevo o que, na verdade, "escrevo".

14 de janeiro de 2012

Nem sempre escrevo o que, na verdade, "escrevo".


Nem sempre escrevo o que, na verdade, "escrevo". Presentemente, na vida mesmo, é que estou escrevendo.
A minha conduta, a minha relação humana no quotidiano é já em si mesma uma escrita, que revelará, para os atentos e lúcidos, o meu sentir e a minha filosofia de estar no mundo.
A acção consequente valerá mais que palavras bonitas e bem escritas. Mas, talvez, esta seja a escrita menos fácil e mais exigente conosco mesmo e mais pura para a civitas... E, no entanto, posso reconhecer com mágoa que alguns dos meus actos foram errados...
Sim, e estou escrevendo menos no papel que na vida. O que será mais difícil ainda...

A. de Gusmão.
Noite de 6/12/1986.